Atendimento de Segunda a Sexta - 8:30 às 12:00 | 13:00 às 19:00
(48) 3626-2407
Facebook Sinpaaet

Nota de Esclarecimento

Em resposta à nota publicada na Coluna do jornalista Arilton Barreiros, do dia 7 de dezembro de 2017.
Compartilhar no Facebook Tweetar

08/12/2017

nota-de-esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO
Em resposta à nota publicada na Coluna do jornalista Arilton Barreiros, do dia 7 de dezembro de 2017, o SINPAAET esclarece aos filiados/as da UNISUL que:
- o SINPAAET tem a função de defender os direitos dos/as trabalhadores/as os quais representa e em 27 anos de história vem exercendo a sua função com transparência, democracia e seriedade;
- está extremamente preocupado com a manutenção dos empregos, os reiterados atrasos nos pagamentos dos salários e outros direitos, bem como com o volume total de endividamento da Universidade e com a qualidade do ensino prestado;
- reconhece a importância da Unisul para a comunidade acadêmica e para o município de Tubarão e vem tratando a negociação sobre a redução de carga horária e salários com extrema cautela, zelo e responsabilidade;
- a terceira assembleia realizada, além de apresentar a resposta da UNISUL às solicitações realizadas pelos/as trabalhadores/as em assembleia anterior, apresentou, também, os pareceres sobre pedido de bloqueio de ativos e intervenção e as implicações dessas duas medidas para os/as trabalhadores/as, pareceres estes solicitados pelos/as trabalhadores/as presentes em assembleia;
- durante a semana que antecedeu a assembleia do dia 2 de dezembro, o Sinpaaet recebeu relatos de trabalhadores/as que estavam sendo interpelados a participarem da assembleia para votarem contra o pedido de bloqueio de ativos e intervenção judicial. Inclusive, alguns trabalhadores/as que relataram tal interpelação não compareceram a esta última assembleia;
- como é prerrogativa de todo sindicato a defesa dos direitos trabalhistas e a propositura de ações coletivas para o seu cumprimento, a decisão de não colocar em votação a solicitação de bloqueio de ativos e intervenção judicial foi uma decisão política do SINPAAET, no sentido de proteger seus/suas filiados/as de futuros/possíveis assédios em seu local de trabalho.
Certos de estarmos cumprindo com a função precípua do SINPAAET de forma transparente, democrática e responsável, nos colocamos à disposição de nossos/as filiados/as a quaisquer esclarecimentos que se fizerem necessários acerca da negociação com a UNISUL.

A Direção.

Fonte: Sinpaaet

MAIS NOTÍCIAS

acao-contra-a-unisul-dobra-de-ferias
20/08/2021
Há dois anos, o Sinpaaet ingressou com ação contra a Unisul para o recebimento da dobra das férias dos colaboradores que... Leia mais +
convencoes-coletivas-2021-2022-saiba-mais-sobre-os-seus-direitos
20/08/2021
Importante destacar: nossas convenções coletivas de trabalho, a exemplo da Convenção 2021/2022, estão à disposição no li... Leia mais +
senhor-ministro-da-educacao-peca-outra-vez-desculpas-aos-brasileiros
20/08/2021
Profa. Patrícia Schlickmann Orlandi Presidente do Sinpaaet Sindicato dos Professores e Auxiliares de Administração Esc... Leia mais +
inscricoes-bolsas-de-estudo-abertas
11/12/2020
As inscrições para as Bolsas de Estudo Sinpaaet Unisul/Dehon, referente ao ano 2021, seguem abertas até o dia 31 de jane... Leia mais +
© Sindicato dos Professores e Auxiliares de Administração Escolar de Tubarão.
Demand Tecnologia